Translate

sexta-feira, 21 de julho de 2017

RELACIONAMENTO SAUDÁVEL #04: O QUE VOCÊ ESTÁ PROCURANDO?

Sabe quando a Alice pergunta para o coelho qual caminho deveria seguir, e ele contesta para onde ela quer ir e ela não sabe? Para quem não sabe onde quer chegar, qualquer caminho serve. Se você está perdido(a) na vida, não sabe exatamente o que está procurando em um relacionamento, não jogue o peso de sua indecisão nas costas de seu parceiro. Todo relacionamento saudável começa com ambas as partes colocando sobre a mesa claramente o que esperam do futuro: formar família, ter ou não filhos, se mudar para um lugar distante ou ficar onde estão, comprar uma casa conjuntamente, abrir o próprio negócio juntos... isto deve estar claro desde o começo, e se está, deve ser obedecido por ambos até que algo mude e voltem a conversar sobre o assunto (e mesmo assim, não é justo mudar a regra no meio do jogo... se está em dúvida quanto ao que quer no futuro, deixe isso claro, para dar a oportunidade justa do seu par poder decidir da melhor forma para ele(a) também sobre investir ou não nesta relação).
quinta-feira, 20 de julho de 2017

RELACIONAMENTO SAUDÁVEL #03: REGRAS IGUAIS

Se você cobra seu parceiro(a) algo, deve ser capaz de cumprir a mesma exigência. Parece óbvio, não é? Mas não é isso que geralmente se vê nos relacionamentos que não são saudáveis. O nível de exigência que um pode impor ao outro dependerá do quanto o outro está disposto a tolerar a ceder parte de sua personalidade por esse algo maior que é um relacionamento sem se anular como individualidade, na mesma proporção de quem exige também é capaz de cumprir a exigência. "Casa de ferreiro..." não é um ditado que esteja de acordo com um relacionamento saudável. É comum (até aceitável) que em um relacionamento um dos parceiros 'controle' mais as coisas, enquanto o outro se posicione de modo a 'obedecer'... ou porque o outro é mais experiente, mais seguro de si, ou até mesmo porque ambos se sentem mais confortáveis nestas posições (um controla - o outro é controlado). Há casos (mais raros) onde o casal se reveza nestas posições, ou deixa claro em que campos um dará as cartas, e em quais o outro. Isso faz parte da complementariedade de qualquer relacionamento: cada um assume uma posição na qual se sente mais confortável e que complementa a do outro. Se houver respeito à individualidade do par, teremos um relacionamento saudável se as regras forem claras e, principalmente, se forem para ambos, e não somente para quem aceitou obedecer.
quarta-feira, 19 de julho de 2017

RELACIONAMENTO SAUDÁVEL #02: PLANOS CONJUNTOS

O prazo do relacionamento está diretamente relacionado ao quanto os planos de ambos estão inter-relacionados. Quando um dos dois tem planos que tenta impor ao outro, ou que não são analisados conjuntamente, não se trata de um relacionamento saudável, mesmo que a outra parte aceite as imposições. Invariavelmente podemos ter planos diferentes  de nosso(a) parceiro(a), mas a cumplicidade, a 'relação', está exatamente na capacidade de sentar, explicitar claramente e calmamente seus planos e ouvir a outra parte, fazendo modificações, cessões, até cancelar seus planos e fazer outros, se for o caso. Um relacionamento saudável NÃO É UMA COMPETIÇÃO, em que um perde para o outro poder ganhar. É uma soma de vidas, de personalidades diferentes, de desejos, sonhos, vontades, planos, que juntos, fazem uma personalidade conjunta maior. Se uma das personalidades se impõe, ambas não crescem. E crescer é, nesse caso, ter maturidade e amor ao outro para, por exemplo, abrir mão de um projeto futuro pessoal para ter um projeto futuro conjunto com o parceiro, por exemplo.
terça-feira, 18 de julho de 2017

RELACIONAMENTO SAUDÁVEL #01: SEMPRE PESSOALMENTE

Começamos hoje mais uma nova série: 25 ações para um relacionamento saudável. A primeira delas talvez não fizesse tanto sentido como dica há anos atras, mas hoje ganhou muita importância: as conversas importantes devem ocorrer sempre pessoalmente! Assim como em uma terapia os meios tecnológicos possuem sérias limitações, nas relações pessoais a presença física da outra pessoa é imprescindível. Atrás de uma tela de computador ou de um celular ganhamos coragem o suficiente para esquecer que do outro lado está uma pessoa que é importante para nós, e podemos dizer coisas que, mesmo na melhor das interpretações, pode abalar até a mais forte relação de confiança. Ruídos de comunicação são evitáveis quando se conversa pessoalmente. Um corretor ortográfico mal configurado, a pressa no envio de uma mensagem, o envio errado de um áudio para a pessoa errada, a falta de paciência em esperar estar frente à frente com o outro... estes e outros motivos de ruídos de comunicação denotam falta de zelo e preocupação com o receptor da mensagem. Se você quer ser entendido, se está se 'comunicando', então é necessário também se preocupar com quem receberá sua mensagem. E pessoalmente, já está comprovado cientificamente, somos capazes de, inconscientemente, identificar microrreações faciais, pausas, olhares, que muito podem contribuir para o feedback de uma conversa saudável e sincera.
domingo, 16 de julho de 2017

PESSOAS EFICAZES #10: NO SEU RITMO, NO SEU PASSO!

Pessoas eficazes constroem castelos, cidades, mundos inteiros, começando por uma pedra de cada vez. Lembro-me de quando comecei a treinar a correr, e todo dia de manhã passava por mim, no mesmo trecho do caminho, uma senhora já de idade avançada, correndo no seu passo. Eu, iniciante, inexperiente, prepotente, passava por ela correndo muito facilmente. Mas um quilômetro e meio depois havia uma subida íngreme... e eu não aguentava, naquela época, subir correndo, então diminuía a corrida até começar a caminhar... e sempre, neste mesmo trecho, aquela senhora que ficou lá atrás, passava tranquila, no mesmo passo de antes, correndo do meu lado, até desaparecer lá em cima na curva do caminho, enquanto eu não aguentava retomar a corrida.
Esse fato aconteceu algumas vezes até eu poder aprender que não estamos neste mundo competindo uns com os outros, e sim com cada um de nós.
quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

PESSOAS EFICAZES #09: CRIE NOVAS SITUAÇÕES

Quando algo que deu errado não tem uma solução, por mais que você reflita, pense, busque... então haja como as pessoas eficazes: crie uma nova situação, onde a solução é possível...
Sempre será possível renascer, sempre é possível se reinventar, sempre poderemos reaprender a começar do zero... se o problema não tem uma solução, é porque você está olhando de um ângulo desfavorável... mude o ângulo, pense fora da caixa, crie novas situações...
Reinventar-se é parar de tentar agir da forma atual (que não está funcionando) e começar a fazer novas coisas acontecerem... conhecer novas pessoas, ter novos desafios, buscar novas soluções...
Nada garante que será melhor que a situação atual, mas se você não tentar, se continuar imaginando que tudo irá mudar para lhe favorecer sem que nenhuma mudança seja necessária de sua parte... muito provavelmente permanecerá estagnado, no mesmo ponto onde se encontra hoje. 
terça-feira, 3 de janeiro de 2017

PESSOAS EFICAZES #08: HÁ COISAS PELAS QUAIS VALE A PENA ESPERAR

Nem tudo que queremos depende só de nossas ações...aliás, a grande maioria das melhores coisas que podem acontecer em nossas vidas é uma junção de um pouco de esforço individual, de abertura para novas energias e uma grande dose de sincronicidade (aquela confluência de energias do Universo que conspiram para que tudo dê certo no momento certo...).
Por essa razão, há coisas pelas quais devemos ter a paciência de esperar... saber quais são: nunca teremos esta certeza, pois se assim fosse a vida seria fácil demais de ser compreendida (o que tiraria toda sua mágica)... você nunca saberá, mas conseguirá (com uma boa dose de sensibilidade) sentir quais são. 
Pessoas eficazes sabem que determinadas coisas são muito importantes por fazer parte de sua essência, por fazer parte do significado maior que simboliza todas as outras coisas pelas quais ela lutou na vida.... então mesmo quando não conseguem tocar estes sonhos, eles servem de guia mestre para todas as demais ações, são como o farol que lhes guiará nas tempestades (você até gostaria de estar a salvo no farol no meio de uma tempestade, mas sua função não é estar lá, e sim onde está neste momento, guiando o barco), entendeu? 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...