Translate

domingo, 15 de junho de 2014

Pergunta 41: se todos do mundo fossem desaparecer amanhã, quem você visitaria hoje?


Às vezes só reconhecemos a importância das pessoas que fazem parte de nosso dia a dia após elas partirem, para nunca mais voltar. Por isso não há exercício melhor do que reconhecê-las agora, que estão próximas a você, participando de sua vida.
Queiramos ou não, por mais que pareça politicamente incorreto para alguns, algumas pessoas são muito mais importantes para nós do que outras. Ou porque nos fazem mais feliz, ou porque admiramos mais, ou porque nos tratam melhor... enfim, todo ser humano tem dentro de si, por mais que negue, uma lista com as pessoas com as quais mais se importa, indo até as que não fazem diferença em sua vida.
Você reconhece as pessoas que estão no alto desta sua lista? Recompensa-as com sua presença, sua alegria, seu carinho, sua preocupação? Sabe que quando não puder mais estar ao lado delas, só restarão as lembranças, não é mesmo?
Então comece a agir. Retribua a preocupação e o carinho que os outros tem com você tanto ou mais do que você recebe.
E não se fixe em tabus ou regras do ‘socialmente e politicamente correto’. Ás vezes algumas (se não todas) as pessoas que consideramos importantes para nós não estão em nossa família. Não é incomum que faltem alguns familiares no topo de nossa lista. É até natural e saudável que seja assim. Não devemos mentir para nós mesmos: por mais formais e educados que a sociedade exija que sejamos, não somos obrigados a gostar de quem não nos faz bem, mesmo que faça parte de sua família. Duvide sempre das regras sociais. O essencial é preservar e cultivar amizades e pessoas próximas que cuidam e se preocupam com você, pois é com elas que, muitas vezes, criamos vínculos maiores que qualquer laço familiar. Pense nisso!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...