Translate

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Pergunta 49: O que você está fazendo vai ser lembrado no futuro?


Qual a sua marca neste planeta? Que diferença você fará neste mundo para as próximas gerações? Que diferença você está fazendo agora na vida das pessoas? Se você partisse deste mundo agora, iriam notar sua ausência?
Esta é uma questão que ficamos postergando ao longo de toda a vida, mas que na realidade deveríamos querer responder o quanto antes, enquanto temos tempo de mudar os rumos que tomamos.
Creio que já assistiu ou leu “Um conto de Natal” de Charles Dickens. Caso não se lembre da história, é aquela em que, no dia de natal, uma pessoa avarenta e da qual ninguém sentiria falta (até ficariam felizes) se partisse, recebeu a visita de três espíritos: o do natal passado, o do natal presente e o do natal futuro. É uma linda história, se olhada principalmente pela profundidade com que trata este mesmo tema.
Ninguém te obrigará a fazer a diferença na vida das pessoas. Você pode passar toda a sua vida sugando do mundo tudo para seu bel prazer e diversão. Há vários que conseguem fazer isto, e sair impunes de qualquer acusação de injustiça ou de egoísmo. Mas a coisa muda de figura se você souber que sua psique possui um centro regulador que está te observando a cada momento, e te cobrará sua parte no todo do qual participa.
Em psicologia analítica de Carl Gustav Jung chamamos de SELF, que é mais do que o SUPEREGO de Freud. Esta estrutura da Psique (e ao mesmo tempo do inconsciente coletivo) te cobrará sua participação, pois o ser humano é um ser coletivo e simbólico por natureza. Já viu alguma abelha vivendo toda a sua vida sozinha? E uma formiga? Então não esqueça que somos seres coletivos, e quando agimos com egoísmo com o resto da sociedade, estamos indo contra nossa própria natureza. Talvez seja difícil colocar em palavras toda a angústia e sofrimento que isto pode causar, por mais que se tente por anos forçar o esquecimento de tal fato. Apenas reflita o que seria da sua vida se todos os que te ajudaram ou te apoiaram desde o seu nascimento (e antes dele) não o tivessem feito: o médico ou parteira de sua mãe, seus professores, os médicos que cuidaram de você quando estava doente, quem construiu a escola e faculdade onde estudou, até mesmo as pessoas que desenvolveram e produziram todos os computadores, celulares e tablets até chegar neste que está à sua frente onde está me lendo. Não pense como aqueles que só querem se aproveitar do que o mundo e os outros lhes oferece.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...