Translate

sábado, 19 de julho de 2014

O Tempo (17): não deixe os outros destruírem seus SONHOS!









Não perca tempo ouvindo pessoas negativas e amarguradas. Às vezes quanto mais procuramos palavras de apoio, é quando encontramos pessoas querendo destruir nossas últimas esperanças.
Você já parou para pensar porque tem pessoas que sempre encontram problemas nos seus sonhos, empecilhos em suas ideias, obstáculos em seus planos? Pare e pense: analise este tipo de pessoa (provavelmente você deve conhecer alguma). Ela já conquistou algo por mérito próprio? Algo muito significativo? Provável que não. Se você conseguir analisar mais detidamente seu histórico, verá que se trata de alguém que possui um grande trauma não superado em seu passado.
Em palavras mais frias e duras: um fracassado.
O fracassado não o é por não ter conseguido conquistar seu objetivo. Ele é fracassado por ter desistido de tentar. Ele assumiu que nuca será capaz, mas não apenas isto: a vitória de alguém a seu lado é a lembrança constante da própria dor em ter desistido. Por mais razão que esta pessoa pareça ter em seus comentários, não os leve em conta, exatamente por não ser imparcial: ela deseja que você fracasse, porque acredita que assim a dor diminuirá.
Não perca tempo ouvindo gente assim. Pessoas assim nada constroem, em nada contribuem para uma vida melhor, para um mundo melhor. Elas estão em uma espécie de nimbo próprio: não conseguem acreditar em si próprias. Aliás, nem querem mais pensar sobre a própria capacidade. Por isto preferem julgar negativamente os outros, outorgando-se o papel que não possuem de juiz da vida alheia.
É claro que há pessoas mais sonhadoras do que outras. Eu mesmo já tive minha ‘fase’ mais pragmática na vida: se não pudesse controlar todas as variáveis, eu preferia não arriscar... hoje, já mais ‘experiente’, percebi o que uma amiga minha já me dizia a tempos: quando a gente se ‘joga’ numa escolha, fica mais fácil chegar mais longe. Quando você analisa as opções, e escolhe a melhor (que geralmente não é a mais fácil de se alcançar), deve se entregar de corpo e alma e não mais pensar em voltar atrás: afinal, você já decidiu por ela!
A decisão é só sua. Você pode decidir ouvir outras opiniões, e até mesmo levar em consideração as opiniões mais desfavoráveis. Mas lembre-se que na hora de colocar a mão na massa, é você, e não a outra pessoa que estará lá dando seu suor e suas lágrimas... e não será ela que deverá colher os frutos do que você quer tanto atingir. Até porque ela já desistiu antes. Você não, não é?

Pense nisto!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...