Translate

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Lição 10: enfrente medos, assuma riscos calculados

A vida é demasiado curta. No momento em que você estiver dando seu último suspiro, o que encherá seu coração com o maior arrependimento não serão todos os riscos que tomou, nem as oportunidades que perseguiu, tampouco as vezes em que você caiu e foi derrotado... o que vai encher seu coração de pesar no seu momento final será todos os riscos que você teve a oportunidade de correr mas nunca teve coragem de enfrentar.
O que mais pesa (e se você tem já uma boa bagagem na vida saberá disto) não é o arrependimento das coisas que fizemos, e sim das que poderíamos ter feito e não tentamos. E o peso aumenta proporcionalmente na medida em que nosso tempo aqui nesta terra vai diminuindo, e percebemos isto.
Temos que assumir riscos calculados e enfrentar nossos medos. É disto que seu crescimento depende, seja financeiro, intelectual, pessoal, emocional. Sempre, para conquistar algo mais valioso, você terá que arriscar perder algo que já possui. E é por este motivo que muitas pessoas preferem ficar na sua ‘zona de conforto’, estagnadas. Não vivem mais. Não se pode dizer que vegetam, pois até vegetais crescem, se desenvolvem, enfrentam riscos. São pessoas que estão ocupando espaço. São pedras que os que estão ao seu redor, tem que carregar.
Quando você se desenvolve, de uma forma ou de outra, direta ou indiretamente, acaba contagiando todos ao seu redor. Seu desenvolvimento, seu progresso , eles acabam fazendo outras pessoas ou progredirem ou serem ‘empurradas’ para frente, pela vida. Sua principal força é pelo exemplo: cresça, e os que estão à sua volta, queiram ou não, terão que crescer também. 
E se você tem medo de arriscar o que tem, lembre-se: no final, nada levaremos desta vida, a não ser nossa história, nosso exemplo, a lembrança do que deixarmos a quem vier depois de nós. Nada é seu nesta vida, a não ser sua história. Pense nisto!
Até amanhã!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...