Translate

terça-feira, 12 de junho de 2018

DIA DOS NAMORADOS, DO AMOR, DOS AMANTES

Feliz dia dos namorados... apesar de todo invólucro comercial que a data traz consigo, que bom que ainda temos datas em que a emoção aflora, em que podemos exaltar o que mais nos enobrece como humanos... os sentimentos, especialmente o amor.
Claro que devemos amar não apenas hoje, mas todos os demais 364 dias do ano... claro que o que vale não é o valor do presente mas a forma e a intenção... talvez nem tenha presente... mas se é amor, estar junto é o maior presente que se pode ter.
Quantos e quantos amores estão a quilômetros de distância e só se veem e conversam por alguns poucos momentos na semana, no mês, no ano... nem por isso deixam de se amar. Mas afinal, porque sendo tão racionais, ainda amamos? Talvez não seja tão difícil responder... amamos porque nossa essência quer estar junto, quer compartilhar, quer confiar. O ser humano é bom na sua essência, e o amor é a maior prova disso. Quantas pessoas se odiavam tanto no começo, e esta raiva mútua serviu de laço para atrair a atenção um para o outro. Sim, devemos comemorar que ainda amamos. Ainda passamos a noite a olhar as estrelas acreditando que nosso amor está, onde estiver, fazendo o mesmo e pensando em nós. Ainda podemos acreditar que há um amor que nos corresponda, que estará do nosso lado e fará de tudo para continuar ali, passo a passo, andando junto, construindo junto, tolerando nossos defeitos e ensinando-nos a tolerar os do outro. Que bom que ainda podemos amar.
Se acabou, não era amor. Nunca foi. Pois o amor não acaba. Não é uma chama que começa, queima e se esvanece... não. O amor é a chama mais forte que pode arder no universo... e mesmo quando bem pequena, é capaz de fazer-nos mover montanhas, suportar os maiores desafios, ter esperança no amanhã... porque o outro também crê... também ama.
Muito se parece a uma loucura esse tal de amor. Não tem lógica nenhuma. As vezes nos leva para onde achamos que não queremos nem devemos ir... mas vamos mesmo assim. Porque não se luta contra o amor, se você vive e quer viver. Se não amássemos, a humanidade não existiria. Palavras como "família" também não. Também não teríamos grandes motivos para seguir em frente...
Ame, porque amando você acredita, continua, insiste, não desiste, luta, sofre, se alegra, aquece, é aquecido(a), vive. Triste de uma vida que nunca amou, porque esta nunca confiou... quem não ama abandona, rasga planos conjuntos, ignora, humilha, empurra com a barriga. Vida que segue? Só se não era amor... mas só brinca e finge ser amor quem nunca amou, e não merece ser amado(a). Covarde é aquele(a) que faz do amor dos outros seu capacho para brincar até cansar e seguir para o próximo. Que triste será sua vida. Esse(a) não saberá nunca o que é amar, o que é amor. Porque amar é ser criança de verdade, é brincar de viver, vivendo, iluminando sua própria vida e dos que estão à sua volta. 
Quem ama de verdade nunca ficará desamparado. Ainda existem muitos que realmente amam e acreditam no amor. Se ainda não encontrou o seu, saiba que ele(a) está nesse momento imaginando como você é também... preparando-se para quando o destino trazê-los um para perto do outro. Não duvide que o amor existe. Só existimos porque ele também existe. Se ainda existem pessoas que fingem amar, e empurram com a barriga suas relações... que pena delas, pois nunca saberão de verdade o que é arriscar tudo para estar do lado da pessoa que você mais quer neste mundo! 
Feliz dia dos namorados!
Até nosso próximo post....
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...